Blog

Qual a importância do flúor na saúde bucal?

Você sabia que constantemente os nossos dentes perdem os seus minerais? Esse é um processo natural causado pela acidez da saliva, e também por bactérias que se proliferam na boca quando não a higienizamos corretamente.

Por outro lado, quando o pH bucal está controlado acontece o processo inverso. Nesse caso, a remineralização. Nesse momento o esmalte dentário recupera os minerais perdidos e se fortalece mais uma vez. Mas isso somente acontecerá se ele tiver o suporte do flúor.

Preparamos este artigo para explicar a importância desse mineral e de que forma ele atua em nossa saúde bucal e na proteção dos dentes. Continue lendo e entenda por que é fundamental garantir esse nutriente para a dentição.

Como o flúor protege os dentes

Nossos dentes parecem ser estruturas muito fortes e invulneráveis, não é mesmo? Mas na verdade eles sofrem agressões constantes e são danificados por causa delas se não adotarmos as medidas corretas para protegê-los.

Uma dessas medidas é manter a oferta de flúor para o organismo. Isso porque esse mineral atua sobre os dentes ajudando na absorção e reposição do cálcio e do fósforo perdidos. Durante o processo de desmineralização nossos dentes sofrem essa perda naturalmente, mas se não for realizada a remineralização isso será um grande problema.

Quando o esmalte dentário perde seus minerais ele fica mais sensível e suscetível ao desenvolvimento de cáries. Elas ocorrem por causa dos ácidos liberados por bactérias que se proliferam nos resíduos de alimentos presos aos dentes.

Se eles não estiverem fortes o suficiente o esmalte será danificado gradativamente e essa lesão se formará. Com o tempo, ela se torna cada vez mais extensa e profunda, atingindo partes internas do dente e podendo até mesmo levar a sua perda.

Além disso, quando os dentes passam pelo processo de remineralização ficam mais resistentes a quebras, trincas, corrosões e desgastes. Isso porque o esmalte fica mais duro e resistente, suportando melhor as possíveis agressões que venha sofrer.

Veja também: Roer as unhas e objetos pode trazer males à saúde bucal.

O flúor e suas fontes

O flúor é um mineral natural que pode ser encontrado em todo o planeta Terra. Na alimentação do ser humano ele também está presente no alho, na cebola, em frutos do mar, no arroz com feijão e na água.

Nesse último caso, tanto ele pode ser proveniente de uma fonte natural como adicionado pela empresa que faz o abastecimento de água das residências. Essa medida é adotada justamente para ajudar na reposição desse mineral no organismo e prevenir a formação de cáries na população.

Sendo assim, podemos obter o flúor por meio dos alimentos que ingerimos e da água que bebemos. Também é recomendado optar por produtos de higiene bucal que sejam enriquecidos com esse mineral.

Os cremes dentais são o melhor exemplo disso, sendo que o ideal é sempre utilizar marcas que tenham a quantidade adequada de flúor para assegurar essa proteção contra cáries, em geral o recomendado é 1500 ppm de flúor. Alguns enxaguantes bucais também são ricos nesse mineral, e ainda existem produtos específicos para promover a remineralização dos dentes, mas eles devem ser indicados por um dentista, caso necessário.

Quem precisa do flúor?

O flúor é um mineral essencial para os dentes de pessoas de todas as idades. Até mesmo as crianças que ainda estão na fase da erupção dos dentes de leite precisam desse mineral. Tanto ele garante a saúde dos dentes de leite, como também a boa formação dos permanentes.

No entanto, nessa fase da vida é preciso ter cuidado com a oferta de flúor para não estimular o desenvolvimento da fluorose. Esse problema afeta a estética e estrutura dentária quando existe um excesso de ingestão desse mineral.

De toda forma, é importante oferecer para as crianças a água fluoretada e sempre utilizar produtos de higiene bucal indicados para sua faixa etária, sendo hoje indicado o mínimo de 1100ppm de flúor em qualquer idade,  o que muda é a quantidade e as orientações de uso que serão dadas pelo odontopediatra que observará a saúde dos seus dentes e a necessidade ou não de um reforço do flúor.

Os adultos devem sempre preferir os cremes dentais fluoretados e solicitar a indicação de um bom dentista sobre a melhor marca de acordo com a necessidade de cada um. Além disso, as consultas periódicas com esse profissional são fundamentais, tanto para acompanhar a saúde dos dentes como também fazer a aplicação do flúor no consultório se for necessário.

É importante lembrar, que o flúor tem seu papel na prevenção da saúde bucal, mas a técnica de higiene bucal com escova e fio dental feitos todos os dias, é o que está em suas mãos para prevenir qualquer doença da boca.

Dr Marcos Ney Pizzocolo apex odontologiafaixa-apex-odontologia

Por Dr. Marcos Ney Pizzocolo
CRO-SP 56458

Formado pela Universidade Paulista – UNIP – em 1995 e pós-graduado em especialização de prótese dentária. Atua na área de estética, implante, cirurgia oral e reabilitação oral.

faixa-apex-odontologia

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale Conosco

× Agendar Consulta